O grande hospital chamado Igreja

28 setembro 2017


Oi pessoal tudo bem?
Hoje eu vim conversar um pouquinho com vocês, eu sou aquela pessoa que desabafa melhor escrevendo rs.

Esses dias que estive fora do blog (como vocês podem ver está a alguns dias sem postagens minhas), eu andei desanimada, e eu confesso eu tenho esse problema, as vezes a gente desanima de muita coisa e eu acabo me deixando influenciar por situações de fora que me afetam em cheio e eu simplesmente não quero mais, ou até quero, mas não consigo fazer muita coisa.

Nessa semana meu irmão ficou doente, e posso dizer que foram momentos bem difíceis, passamos algumas boas horas no hospital com ele. E lá dentro eu comecei a entender aquela expressão de que "A Igreja é um hospital" comecei a me lembrar de uma frase que li em algum lugar:

"Você não pode chegar na igreja e dizer eu não permito pecadores aqui, pois seria como chegar em um hospital e dizer eu não permito doentes aqui" 

E eu sei que nós podemos visualizar isso muito bem, mesmo sem precisar ir a um hospital, mas o que eu quero dizer é que naquele momento quando eu estava lá dentro esperando pela consulta, eu vi pessoas muito mal, pessoas que não conseguiam parar em pé e precisavam ser carregadas, vi pessoas que pareciam tão bem que não dava pra distinguir somente de vista o que ela tinha.

Assim também é a igreja, assim também somos nós.
Muitos precisam ser carregados, colocados em uma "maca espiritual" e necessitam de cuidados.
No hospital quem socorre o paciente de imediato na maioria das vezes são enfermeiros, e lá, neles, eu vi os líderes da igreja.
O enfermeiro não pode aplicar um remédio sem ordem médica, o enfermeiro segue o que o médico lhe orienta e leva o paciente até o médico.

Eu vejo esse ensinamento sobre o "enfermeiro" nas palavras de Jesus. Ele fazia a vontade do Pai, levou a humanidade ao Pai. A cura vinha do Pai, foi dada ao Filho pelo Pai. E Jesus nos ensinou a ser enfermeiros.
Nos ensinou a levar a Cristo os feridos pelo pecado, os escravizados do diabo, os depressivos sem esperança, desanimados e com muita dor. O Senhor nos ensinou a aplicar o soro espiritual, nos ensinou a trata-los com amor, nos ensinou a alimenta-los com a verdade, nos ensinou a fazer os exames em oração e entregar-lhes os resultados com integridade.

A igreja é o hospital, nós somos enfermeiros guiados pelo médico Jesus, mas algo que eu não pude deixar de notar, é que enfermeiros são iguais aos que estão doentes, enfermeiros são feitos do mesmo material, tem suas fragilidades assim como aqueles que estão precisando de ajuda, muitas vezes enfermeiros são incapazes de comparecer no seu serviço pois estão doentes, precisam de repouso, precisam que outro enfermeiro cuide deles.

Não podemos exigir de ninguém a perfeição, não dá pra pedir pra que seus líderes ou pessoas influentes na igreja sejam de ferro, ninguém é. Todos precisamos de cuidados, todos precisamos ora ou outra de um enfermeiro que nos leve até o médico, pois ora ou outra podemos não ter forças suficientes para chegar até Ele.

Se você caiu, peça ajuda, não importa que "posição" você ocupa, se você está de pé, e tem força ajude aquele que caiu, não importa se você não é tão "influente" como ele, não importa, nesse grande hospital chamado igreja todo aquele disposto a ajudar o caído e o doente é alguém que aprendeu com Jesus, a levar o doente ao médico e apresentar-lhe a cura.

Fiquem na paz ♥ 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.