Agraciada



Oi gente, tudo bem com vocês?

Faz algumas semanas que eu tinha decidido encerrar minha vida de blogueira hihi, pois é. Eu estava firme nessa decisão - e continuo - eu dei uma breve explicação - sem explicar muita coisa na verdade - lá no Instagram e na pagina do Facebook do blog - até uns minutos atrás ele era o blog meninas da igreja.

Sem enrolar mais vocês, vou contar porque eu tomei a decisão de parar, de ir excluindo os conteúdos aqui e viver uma vida livre de blog, youtube e etc...
Nosso blog sempre foi pequeno, mas sempre foi um pequeno muito significativo para mim, então isso que eu vou contar pra vocês não é sobre números, é sobre pessoas.

Algumas pessoas podem pensar que eu estava tendo algum tipo de crise de identidade, crise de mil e uma coisas acontecendo e disso eu não tenho certeza, mas eu estava em crise comigo mesma, eu não era eu, eu não estava sendo verdadeira - era como eu me sentia por trás das publicações a pouco mais de um ano- não sentia que eu passava pra vocês quem a Tainá era, e isso não era só sobre mostrar minha cara na internet, era sobre ser verdadeira com quem eu sou, eu queria que as minhas postagens me definissem como menina da igreja, mas a verdade é que eu estava mais pra menina pecadora pecadora pecadora pecadora pecadora pecadora, já disse pecadora? Então, essa é a verdade.

Mas Tainá o que você fez? Eu pequei.

E eu sei que todos nós pecamos, mas ai temos que nos arrepender, confessar, orar, e vida - com Deus- que segue.

A minha não seguia, não ia, não contei pra ninguém, não mostrei pra ninguém pois eu achava que se ninguém soubesse que eu precisava de ajuda então ia chegar um momento que eu ia me levantar e caminhar sozinha, ledo engano.
Quando eu fui fazer a publicação de desistência, era como tirar o peso, o peso de ser e me sentir uma mentira. Mentira a menina que é exemplo nas disciplinas espirituais, mentira a menina que tem a vida espiritual maravilhosa, mentira sobre estar envolvida na igreja 100%, mentira que eu não chorava por coisas bobas, mentira que eu não me sentia sozinha, mentira que pensamentos maus não passavam na minha mente, mentira que pensamentos de morte não tomaram a minha mente. Muitas mentiras e eu escolhi expor todas elas aqui nesse texto.
Expor benção, expor o versículo marcado, expor o caderninho de estudo bíblico é fácil, é lindo, mas expor seus pensamentos maus, esses são impossíveis.

Eu choro porque eu tive meu coração quebrado mais vezes do que eu gostaria, eu luto contra a tristeza todos os dias, eu me isolo as vezes sem perceber, eu fico tempos sem falar com as minhas melhores amigas, eu uso entretenimento como series e livros - de histórias não cristãs, como romances fantasias e etc... - para esquecer a tristeza que vem com mais frequência do que eu gostaria.

Ler ou ver series não é pecado, o pecado está no que você faz com isso, no quanto tempo você gasta, e o motivo real de estar fazendo isso. Eu não parei de ler ou assistir, mas eu estou diminuindo consideravelmente o meu tempo nessas coisas.

Você está bem então Tainá?

Não o tempo todo, eu ainda sigo pecadora, mas eu parei de mentir pra mim.
Eu corri para graça, corri desesperada para seus braços, e eu encontrei nEle a minha verdade, o meu caminho de casa.

Eu reconheci finalmente quem eu realmente sou, e não é porque eu sou boa - já ficou evidente que eu não sou - não é porque eu tenho um blog, não é porque eu leio a bíblia, a graça me alcançou e eu não tenho uma explicação a não ser essa:

Todavia, Deus, que é rico em misericórdia, pelo grande amor com que nos amou,deu-nos vida juntamente com Cristo, quando ainda estávamos mortos em transgressões — pela graça vocês são salvos.Deus nos ressuscitou com Cristo e com ele nos fez assentar nos lugares celestiais em Cristo Jesus,para mostrar, nas eras que hão de vir, a incomparável riqueza de sua graça, demonstrada em sua bondade para conosco em Cristo Jesus.Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus;não por obras, para que ninguém se glorie.Porque somos criação de Deus realizada em Cristo Jesus para fazermos boas obras, as quais Deus preparou de antemão para que nós as praticássemos.
Efésios 2:4-10
Eu agora não me vejo como modelo de uma "menina da igreja" eu não me vejo assim, eu não me sinto o exemplo de pessoa perfeita sem falhas e erros, eu tenho todos eles!
Mas a bíblia, a palavra de Deus me afirma que eu sou Agraciada - Que conseguiu ou alcançou graça; que recebeu indulto ou favor - Não só eu fui, mas todo aquele que crer:  


Se você confessar com a sua boca que Jesus é Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo.
Romanos 10:9

 Eu fui salva, salva de mim, salva da condenação.
Ser salvo não significa que eu posso pecar deliberadamente porque fui alcançada pela graça, de maneira nenhuma!
Que diremos então? Continuaremos pecando para que a graça aumente?De maneira nenhuma! Nós, os que morremos para o pecado, como podemos continuar vivendo nele?Ou vocês não sabem que todos nós, que fomos batizados em Cristo Jesus, fomos batizados em sua morte?Portanto, fomos sepultados com ele na morte por meio do batismo, a fim de que, assim como Cristo foi ressuscitado dos mortos mediante a glória do Pai, também nós vivamos uma vida nova.Se dessa forma fomos unidos a ele na semelhança da sua morte, certamente o seremos também na semelhança da sua ressurreição.Pois sabemos que o nosso velho homem foi crucificado com ele, para que o corpo do pecado seja destruído, e não mais sejamos escravos do pecado;pois quem morreu, foi justificado do pecado.Ora, se morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos.Pois sabemos que, tendo sido ressuscitado dos mortos, Cristo não pode morrer outra vez: a morte não tem mais domínio sobre ele.Porque morrendo, ele morreu para o pecado uma vez por todas; mas vivendo, vive para Deus.Da mesma forma, considerem-se mortos para o pecado, mas vivos para Deus em Cristo Jesus.Portanto, não permitam que o pecado continue dominando os seus corpos mortais, fazendo que vocês obedeçam aos seus desejos.Não ofereçam os membros dos seus corpos ao pecado, como instrumentos de injustiça; antes ofereçam-se a Deus como quem voltou da morte para a vida; e ofereçam os membros dos seus corpos a ele, como instrumentos de justiça.Pois o pecado não os dominará, porque vocês não estão debaixo da lei, mas debaixo da graça.E então? Vamos pecar porque não estamos debaixo da lei, mas debaixo da graça? De maneira nenhuma!Não sabem que, quando vocês se oferecem a alguém para lhe obedecer como escravos, tornam-se escravos daquele a quem obedecem: escravos do pecado que leva à morte, ou da obediência que leva à justiça?Mas, graças a Deus, porque, embora vocês tenham sido escravos do pecado, passaram a obedecer de coração à forma de ensino que lhes foi transmitida.Vocês foram libertados do pecado e tornaram-se escravos da justiça.Falo isso em termos humanos por causa das suas limitações humanas. Assim como vocês ofereceram os membros dos seus corpos em escravidão à impureza e à maldade que leva à maldade, ofereçam-nos agora em escravidão à justiça que leva à santidade.Quando vocês eram escravos do pecado, estavam livres da justiça.Que fruto colheram então das coisas das quais agora vocês se envergonham? O fim delas é a morte!Mas agora que vocês foram libertados do pecado e se tornaram escravos de Deus, o fruto que colhem leva à santidade, e o seu fim é a vida eterna.Pois o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor.
Romanos 6:1-23
Eu disse lá no começo que eu não queria mais ser blogueira, eu sei que se você tem um blog e escreve nele você é um blogueiro(a) mas sinceramente, eu só quero ser a Tainá, e tudo aquilo que não for demais sobre mim eu posso até expor, mas tem muito ainda que vai ficar só comigo, só pra quem vive comigo, mas ao mesmo tempo eu não quero passar a imagem de uma menina tão santa que vocês querem ser como ela. Amigos eu não quero que vocês digam "Oh que exemplo" eu não quero isso, isso me fez querer passar uma imagem irreal de mim, a questão real é que talvez eu seja uma pessoa que goste de escrever, de compartilhar mas eu não sirvo pra ser influencer, eu não tenho nada de bom em mim, o bom é Cristo, Ele deve ser o seu influencer.

O nome do blog mudou, e está mudando aos poucos, eu não vou fazer promessas sobre o que vai acontecer ou sobre novidades, mas eu quero ser essa menina agraciada que escreve, compartilha e fala com vocês como fala aos irmãos da igreja em que eu congrego. Como fala aos amigos.

Se você como eu se sente uma mentira, em Cristo você encontra a verdade.
Que Deus abençoe a vida de vocês.


Nenhum comentário